Maio é o mês de conscientização sobre o acidente vascular cerebral (AVC)

05/15/2019
O AVC é a principal causa de incapacidade crônica e pode reduzir a mobilidade.

Por Shruti Sonni, MD, médica neurologista da CHA

Você sabia que a cada ano mais de 795.000 pessoas sofrem um AVC nos Estados Unidos? 610.000 desses incidentes ocorrem pela primeira vez com a pessoa. O AVC é a principal causa de incapacidade crônica e pode reduzir a mobilidade em mais de 50% dos sobreviventes com 65 anos ou mais. Há dois tipos principais de AVC: um é causado por um coágulo que bloqueia um importante vaso sanguíneo no cérebro (também conhecido como "acidente vascular cerebral isquêmico") e o outro é causado por uma hemorragia súbita no tecido cerebral (conhecido como "acidente vascular cerebral hemorrágico").

Espero que você não tenha passado pela experiência de um AVC na sua família ou no seu círculo próximo de amigos, mas se tiver passado, você sabe que isso pode mudar tudo em um instante. Quem sobrevive a um AVC apresenta alterações frequentes de humor e seu comportamento pode parecer confuso para amigos e familiares. Quando um indivíduo sofre um AVC, os papéis familiares de longa data podem se reverter. Jovens adultos podem ter que passar a cuidar dos pais idosos, ou irmãos mais velhos podem ter que assumir os cuidados um do outro.

Ter uma rápida reação pode reduzir o dano cerebral causado por um AVC. Aqui estão alguns dos sinais e sintomas a serem observados:

  • Dor de cabeça intensa, aparentemente sem motivo.
  • Dificuldade de andar, fraqueza nos braços ou nas pernas, perda de coordenação ou tontura.
  • Problemas de visão, em um dos olhos ou em ambos, ou visão dupla.
  • Problemas na fala e dificuldades de entender ou produzir linguagem.

Quando uma pessoa está tendo um AVC, cada segundo é crucial. Os tratamentos que funcionam melhor só são possíveis se o AVC for reconhecido e diagnosticado em 4,5 horas, embora estudos recentes mostrem que há intervenções que podem ser realizadas até 24 horas em certos casos para reverter os déficits de um AVC. Isso não significa que devemos esperar para ver se a pessoa começa a melhorar. Tempo perdido é tecido cerebral perdido!

Se você suspeita que uma pessoa está tendo um AVC, utilize o teste F.A.S.T.:

  • Face (Rosto): Peça para a pessoa sorrir. Um dos lados do rosto está caído?
  • Arms (Braços): Peça para a pessoa levantar os braços. Um dos braços tende a descer?
  • Speech (Fala): Peça para a pessoa repetir uma frase simples algumas vezes. Ela apresenta uma fala desarticulada?
  • Time (Hora): Se você testemunhar algum desses sinais, ligue para o número 9-1-1 imediatamente.

Conforme mencionamos acima, por favor, ligue para o número 9-1-1 caso suspeite que você ou algum conhecido esteja tendo um AVC. Se você está pesquisando opções de atendimento médico, conheça a equipe acolhedora da Cambridge Health Alliance, ligando para 617-665-1305 ou visitando o site www.challiance.org/cha/find-a-doctor.

Cambridge Health Alliance

Contributed By: Cambridge Health Alliance

Cambridge Health Alliance is an academic community health care system committed to serving all members of our communities. We have expertise in primary care, mental health and substance abuse, and caring for diverse and complex populations. CHA patients receive high quality care in convenient neighborhood locations, and have seamless access to advanced care through CHA’s affiliation with Beth Israel Deaconess Medical Center. With over 140,000 patients in Cambridge, Somerville Everett and Boston’s Metro North, CHA is working hard to offer the integrated services its communities need now, and in the future.